sÁB, 08/07/17 Ex-presidente do Vitória, Paulo Carneiro explica 'caso Edinho Nazareth'; clube rebate

Publicado em 08/07/2017 às 06:48h

O “caso Edinho Nazareth” segue causando polêmica entre Vitória e Paulo Carneiro, ex-presidente do clube baiano (leia mais aqui). O Rubro-Negro conseguiu uma liminar que suspende o pagamento da dívida com o ex-técnico do time, nos anos de 1996 e 2003, que atualmente é comentarista do canal SporTV. Numa conversa com o Bahia Notícias, o mandatário do Vitória à época se explicou e criticou a agremiação pela condução do caso. Segundo PC, o próprio Edinho o procurou, em 1996, para emprestar uma quantia de U$ 1,1 milhão. Devido às dificuldades financeiras vividas pela instituição na ocasião, o ex-dirigente optou por receber o auxílio do então técnico do Leão àquela altura. “Não tínhamos dinheiro de televisão e estávamos na Série A. [O clube] Se manteve assim por 12 anos, sendo oito sem televisão (...) Um dia esse rapaz me procurou por iniciativa dele, perguntando se eu não estava querendo uma ajuda e eu disse: ‘Eu quero ajuda que venha de todo lado’. Aí ele me ofereceu um dinheiro emprestado para me tira do sufoco e, assim, eu recebi o dinheiro”, contou, em entrevista ao Bahia Notícias.Clique aqui e leia a matéria completa!


PUBLICIDADE